Brad Pitt é processado em R$ 560 mil por suspeita de estelionato

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Redação – Rede Cultura/Bahia.ba

Foto: reprodução/SNL

O ator Brad Pitt está sendo processado por suspeita de estelionato. Segundo o jornal britânico Daily Mail, a presidente de uma empresa de cuidados médicos afirma que teria pago o galã para aparecer cinco vezes em alguns eventos que ela organizou para a ONG criada por Brad, Make it Right Foundation.

No entanto, Kelli Christina afirma que o ator sempre dava desculpas e não comparecia aos eventos. Ela alega que ele teria recebido US$ 40 mil (cerca de R$ 224 mil) em doações para a caridade, em troca de ir aos eventos. O processo movido contra o Brad Pitt é de US$ 100 mil (cerca de R$ 560 mil).

A mulher ainda revelou que a relação dela com o ator teria evoluído para além de trabalho e uma possibilidade de casamento entre os dois chegou a ser conversada.

Apesar das declarações de Kelli, o artista afirmou à Justiça que nunca teve contato com a mulher, nem recebeu dinheiro dela. A defesa de Brad Pitt acredita que outra pessoa tenha se passado por ele durante as negociações.

Comentários